PRF registra 29 acidentes, 33 feridos e três mortos durante feriado na PB - Conecta Paraíba

Últimas Notícias

quinta-feira, 26 de dezembro de 2019

PRF registra 29 acidentes, 33 feridos e três mortos durante feriado na PB

Órgão policial também flagrou 37 motoristas dirigindo sob efeito de álcool nas rodovias federais da Paraíba
Imprudência de motoristas e motociclistas marcou o feriado (Foto: Divulgação/PRF)
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) intensificou as fiscalizações na Paraíba desde a último sexta-feira (20). Segundo o órgão, a imprudência de motoristas e motociclistas marcou o feriado prolongado de Natal. As ultrapassagens em locais proibidos foram responsáveis por dois acidentes graves registrados nas rodovias federais do estado. Ao todo foram registrados 29 acidentes, com 33 pessoas feridas e três mortes.

As ações de reforço no policiamento estão inseridas na Operação Rodovida, que busca a integração entre os órgãos de segurança pública e viária de todo país. Apesar do aumento na fiscalização, foi registrado um aumento no número de acidentes, feridos e mortes neste ano quando ao compararmos com o mesmo período do ano anterior, quando 23 acidentes ocorreram, com 21 feridos e uma morte.

Durante o período do feriado de Natal, a PRF fiscalizou 4.682 veículos, 4.729 pessoas, fez 1.453 testes de alcoolemia e 37 pessoas foram flagradas dirigindo sob efeito de álcool. Ao todo, 1.574 motoristas foram flagrados cometendo algum tipo de infração de trânsito. Além disso, 31 pessoas foram detidas pelos mais diversos tipos de crimes e quatro veículos roubados foram recuperados.

A PRF vem chamando a atenção para as ultrapassagens proibidas ou perigosas, falta de uso de cinto de segurança e consumo de bebidas alcoólicas associado à condução de veículos.

“Durante o feriado de Natal, dois acidentes com vítimas fatais foram do tipo colisões frontais em decorrência de ultrapassagens em locais proibidos. No terceiro acidente com óbito registrado, o motorista não usava o cinto de segurança, o que pode ter contribuído para as lesões graves resultarem em óbito”, disse a PRF em comunicado encaminhado à imprensa.

Portal Correio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Páginas