Bombeiros confirmam morte em desabamento de prédio - Conecta Paraíba

Últimas Notícias

quarta-feira, 16 de outubro de 2019

Bombeiros confirmam morte em desabamento de prédio

Frederick Santana dos Santos, de 30 anos, não estava no edifício, mas trabalhava em um mercadinho ao lado do prédio. Oito pessoas seguem desaparecidas
Nove pessoas foram resgatadas com vida dos escombros. Outras oito seguem desaparecidas. Foto: SSPDS-CE/Divulgação
O Corpo de Bombeiros do Ceará confirmou a morte de uma vítima do desabamento de um prédio residencial de sete andares, em Fortaleza, na terça-feira (15). Frederick Santana dos Santos, de 30 anos, não estava no edifício, mas trabalhava em um mercadinho ao lado do prédio. A informação foi divulgada pelo coronel Holanda, comandante do Corpo de Bombeiros.

Apesar das primeiras informações darem conta de uma morte na tragédia, o governo do Ceará afirmou no início da noite de ontem que ainda não havia a confirmação de óbitos. Mais tarde, já com a confirmação da morte, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará, informou que até o momento, nove pessoas foram resgatadas com vida dos escombros. Outras oito pessoas foram reportadas às autoridades como presentes no local durante o desabamento e seguem como desaparecidas.

O prédio caiu por volta de 10h15. Das vítimas já resgatadas, duas teriam conseguido telefonar para parentes, mesmo sob os escombros. Três feridos resgatados foram encaminhados para o Instituto Doutor José Frota (IJF): Cleide Maria da Cruz Carvalho, de 60 anos; Maria Antônia Peixoto, de 72 anos; e Gilson Moreira Gomes, de 53 anos. Outros dois feridos também foram identificados: Davi Sampaio, de 22 anos, estudante de arquitetura que chegou a enviar uma selfie nos escombros para a família dizendo que estava bem. Ele sofreu escoriações. Já Fernando Marques, de 20 anos, foi o primeiro resgatado com vida.

OP9

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Páginas