Campina Grande é primeira na PB a receber ‘Saúde na Hora’ - Conecta Paraíba

Últimas Notícias

quinta-feira, 26 de setembro de 2019

Campina Grande é primeira na PB a receber ‘Saúde na Hora’

Fazem parte do Programa Saúde na Hora em Campina Grande as Unidades de Estratégia de Saúde Familiar no bairro Santa Rosa e Dinamérica

Lançado em maio deste ano, o programa ‘Saúde na Hora’, do Ministério da Saúde, tem o intuito de ampliar o horário de atendimento, com repasses mensais, à população dos serviços de saúde da Atenção Primária. Na Paraíba, a cidade de Campina Grande é a primeira a participar do programa.

A cidade firmou o termo de adesão desde de agosto. A diretora de Atenção à Saúde em Campina Grande, Edna Guedes, disse que as unidades que fazem parte do programa ainda estão no processo de organização da estrutura física e dos recursos humanos e na formação das equipes.

Segundo Edna, com a integração do recurso a população tem procurado mais as unidades de saúde. “Estamos em fase de implantação, e já evidenciamos aumento da procura dos serviços no horário normal como também no horário estendido, das 7h30 às 19h30, e uma excelente aceitação da comunidade” falou a diretora.

A iniciativa serviu para o fortalecimento da Estratégia Saúde da Família (ESF) e ampliação dos serviços ofertados através do horário estendido, cuidando das pessoas que tem dificuldades de procurar uma Unidade Básica de Saúde (UBS) no horário normal e assim promover uma atenção a saúde com melhora acesso e maior equidade.

Unidades
As unidades que fazem parte do Programa Saúde na Hora em Campina Grande são as Unidades de Estratégia de Saúde Familiar no bairro Santa Rosa e Dinamérica.

Saúde na Hora
A iniciativa tem como objetivo principal ampliar o acesso às ações e serviços de Atenção Primária à Saúde (APS) por meio do funcionamento com horário estendido de Unidade Básica de Saúde (UBS), também denominada de Unidade de Saúde da Família (USF). Para isso define incentivo financeiro adicional mensal para ESF dos municípios que aderirem ao Programa, com horário de funcionamento de acordo com os critérios estabelecidos na Portaria nº 930 de 15 de maio de 2019.

No Brasil
No Brasil o programa já está presente em 175 cidade e conta com 1.034 unidades.
Ilustração. (Foto: Divulgação/ Ministério da Saúde)
Portal Correio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Páginas