Após ter Geromel expulso, Grêmio marca duas vezes e vence o Libertad na Arena - Conecta Paraíba

Últimas Notícias

sexta-feira, 26 de julho de 2019

Após ter Geromel expulso, Grêmio marca duas vezes e vence o Libertad na Arena

Em noite de expulsão e redenção, Diego Tardelli e David Braz fazem os gols gremistas e dão ao Tricolor a vantagem de perder até por um gol de diferença no Paraguai para avançar às quartas
Tardelli abre o placar em Grêmio 2 x 0 Libertad pela Libertadores (Foto: Max Peixoto/Dia Esportivo/Estadão Conteúdo)
Com um a menos durante quase todo o segundo tempo, o Grêmio supera a expulsão de Geromel e vence o Libertad, na Arena, por 2 a 0. O resultado dá a vantagem de perder até por um gol de diferença, no Defensores del Chaco, na próxima quinta-feira, às 21h30, para avançar às quartas de final.

No primeiro tempo, o Tricolor ficou 77% do tempo com o controle da bola. Porém, os arremates foram escassos, e o placar não se alterou. O resultado parecia se encaminhar para isso quando, aos cinco minutos da etapa final, Geromel foi expulso com o auxílio do VAR. Renato promoveu as entradas de Tardelli e David Braz para reconstruir o time e eles, os soldados destacados pelo comandante, fizeram os tentos da vitória.

Primeiro tempo
O Grêmio começou pressionando e segurando a bola no campo de ataque. Antes dos primeiros 10 minutos, Everton e Maicon já haviam concluído com perigo a gol. Aos 26, novamente o capitão pegou o rebote e forçou Martin Silva a espalmar para escanteio. Jean Pyerre arriscou, aos 42, mas também mandou para fora. Para não dizer que o Libertad não assustou, Benítez arriscou já nos acréscimos e Paulo Victor fez uma defesa tranquila. Apesar do domínio tricolor, as conclusões foram escassas, e a etapa inicial terminou em 0 a 0.

Segundo tempo
A pressão continuou desde o primeiro minuto da segunda etapa. André perdeu um gol na grande área aos dois minutos. Aos três, Jean Pyerre bateu colocado, mas nas mãos de Martin Silva. Só que tudo mudou aos quatro minutos. Geromel pisou no adversário e foi expulso com auxílio do VAR. Aos nove, Maicon teve nova chance, mas também bateu pra fora. Martinez aproveitou a superioridade numérica e arriscou aos 22 minutos, para fora. A redenção veio aos 25 minutos: Alisson cobrou escanteio, Kannemann desviou de cabeça e Tardelli acertou um voleio para abrir o placar. Aos 31, Bareiro desviou de dentro da pequena área, mas Paulo Victor agarrou com segurança impedindo o empate. Aos 38, veio o segundo. Alisson cobrou uma falta do lado esquerdo e David Braz desviou no primeiro pau, de cabeça, para o fundo da rede.

Globo Esporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Páginas